sexta-feira, 31 de maio de 2013

Níveis dos mares vão crescer 69 centímetros até 2100

Novo estudo aponta que, até o fim do século, oceanos não terão taxas de crescimento tão expressivas quanto se esperava

por Redação Galileu

Editora Globo
Crédito: Shutterstock
Um estudo feito por uma equipe de cientistas de várias faculdades internacionais, batizada de Ice2sea, mostra que, até 2100, os níveis dos oceanos ficarão até 69 centímetros maiores. Isso acontecerá por causa das mudanças climáticas - água mais quente se expande e placas de gelo irão derreter e serem absorvidas pelo oceano.
Antes deste estudo era difícil saber o quanto os níveis dos oceanos aumentariam - e o quão rápido isso aconteceria. Para fazer as previsões, pesquisadores estimaram que se as emissões de dióxido de carbono continuarem crescendo até 2100, teremos um oceano 36,8 cm. mais alto. Adicionado ao tanto que os níveis das águas já subiram neste século, teríamos uma taxa de crescimento de 69 cm.
A estimativa não está tão distante do relatório Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC) que, em 2007, previu um aumento de 59cm. Na época, as estimativas foram consideradas muito otimistas.  Estudos posteriores apontaram um crescimento de até 2 metros.
Os cálculos do Ice2sea estão sendo levados mais a sério pois eles levam em consideração a quantidade de calor que oceanos mais quentes podem transmitir para placas de gelo. Para isso, são consideradas as mudanças que a atmosfera causa nas águas.
Isso não significa que podemos parar de nos preocupar com as mudanças climáticas. Mesmo que o crescimento dos níveis dos oceanos sejam menores do que pensávamos neste século, os efeitos do aquecimento global irão continuar por centenas de anos. Registros passados mostram que, quando a Terra era poucos graus mais quente do que é hoje, os níveis dos oceanos eram dezenas de metros maiores. E é certo que este crescimento na temperatura está chegando - ele só deve demorar um pouco mais.
FONTE REVISTA GALILEU
Postar um comentário

Últimas dos Blogs