quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Nicarágua: famílias são retiradas da área próxima ao vulcão San Cristóbal


O governo da Nicarágua reativou o alerta amarelo na região do vulcão San Cristóbal, que nesta quarta-feira voltou a expelir cinzas e gases, e removeu pelo menos 300 pessoas das proximidades do monte, que fica a 135 km da capital Manágua. O alerta vale para o Estado de Chinandega devido à possibilidade de erupção, segundo o Sistema Nacional para a Prevenção de Desastres (Sinapred).
A primeira-dama do país e também coordenadora do Conselho de Comunicação, Rosario Murillo, informou que na madrugada de terça para quarta-feira foram ouvidas pelo menos 15 explosões no vulcão. De acordo com as autoridades, a coluna de cinzas chega a 600 m de altura.
As localidades de Tonalá, Corinto, Chichigalpa e Puerto Morazán são as que ficam mais próximas do vulcão. O exército da Nicarágua enviou quatro equipes de apoio para a região, de acordo com o tenente-coronel Néstor Solís, chefe da Defesa Civil. O Sinapred também enviou cientistas ao local para avaliar o risco de uma grande erupção.
A última vez que o San Cristóbal registrou atividade foi em setembro deste ano. No entanto, em dezembro o vulcão voltou a expelir cinzas e o governo havia decretado alerta amarelo.

FONTE: Jornal do Brasil - http://www.jb.com.br/internacional/noticias/2012/12/26/nicaragua-familias-sao-retiradas-da-area-proxima-ao-vulcao-san-cristobal/
Postar um comentário

Últimas dos Blogs